Football Manager salva homem com doença rara

Football Manager salva homem com doença rara.

A história que vamos contar a seguir pode parecer tirada de algum filme, mas acredite, além de real é inspiradora.

Em entrevista ao site SPORTbible, produzida por Jack Kenmare, Sharad “Sasha” Vemalanathan contou como o game o ajudou na sua vida após ter sido diagnosticado com a Síndrome de Guillain-Barré, uma doença em que o sistema imunológico ataca o sistema nervoso.

Football Manager salva homem com doença rara.
Foto: Sharad Vemalanathan / SPORTbible.

O escritor de Kuala Lumpur, Malásia, contou que após saber da doença teve a sua memória afetada e que o Football Manager foi fundamental para que recuperasse sua memória e vontade de viver.

“Meu desespero me levou à raiva. A perda de memória constante e a dor eram esmagadoras. Haviam dias onde eu sentia dificuldade para respirar, eram realmente tempos terríveis nos quais eu quase queria morrer. Rapidamente, percebi que minha vida nunca mais seria a mesma.”

Football Manager salva homem com doença rara.
Foto: Sharad Vemalanathan / SPORTbible.

E a coisa piorou.

“Eu me escondi e parei de falar com minha família e amigos, que prometeram vir me ver o mais rápido que eles pudessem e que nunca vieram. Eu estava sozinho e em um mundo de dor que ninguém poderia imaginar.”

As coisas mudaram no dia em que Sasha abriu o seu notebook e resolveu jogar Football Manager. À medida que a tela carregava o jogo e ele começava a dar os primeiros passos, algo de maravilhoso aconteceu.

“Eu comecei a me lembrar das formações táticas, dos treinos, de como rodar a equipe, de como cuidar das finanças, de melhorar a estrutura do clube e de deixar diretoria e torcida felizes. E de forma quase instintiva eu sabia quais táticas usar contra determinados times.”

Os médicos quase caíram para trás.

“Meus médicos ficaram maravilhados, pois antes eu não lembrava nem o dia da semana ou um filme que eu tivesse assistido. Agora eu era capaz de fazer decisões cognitivas.”

“Lembro de falar com a minha mãe sobre o jogo e ela concordou que não apenas minha atenção como minha força haviam voltado e traços da minha antiga personalidade começaram a brilhar também. Eu estava menos bravo e genuinamente mais positivo. Eu acredito que esse jogo foi capaz de sarar a minha mente doente, me fazendo uma pessoa mais forte.”

E depois de muitos meses de fisioterapia, terapia ocupacional e hidroterapia, Sharad foi contra todas as expectativas iniciais e conseguiu sair da cadeira de rodas.

Foto: Sharad Vemalanathan / SPORTbible.

Caso você queira conferir a entrevista completa em inglês, o link está abaixo.

https://www.sportbible.com/football/news-reactions-how-playing-football-manager-left-doctors-amazed-20201021

Gostou do material?  Compartilhe com seus amigos.

Equipe FCA

Instagram: @FutebolComAmorbr

Twitter: @FutebolComAmor

Facebook: FutebolComAmor

www.futebolcomamor.com.br

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *