Valeu o investimento? Jogadores mais valiosos da década de 2000

A década de 2000 foi um período onde os preços das transações de jogadores começaram a atingir valores mais altos. Foi recorde atrás de recorde sendo quebrado ao longo que as janelas aconteciam.

Mas a pergunta é: será que todos entregaram o que se esperava deles? E é isso que vamos analisar.

2000/2001

Figo

Barcelona >>> Real Madrid

€60 Milhões

Jogadores mais valiosos da década de 2000

Provavelmente, personagem principal da transferência mais polêmica de todos os tempos, Figo ganhou uma Champions League, duas La Ligas, duas Supercopas da Espanha, uma Supercopa da UEFA e o Intercontinental com a camisa merengue.

Em termos individuais, o português ganhou a Bola de Ouro da Revista France Football em 2000 e o prêmio de melhor jogador do mundo da FIFA em 2001.

Jogadores mais valiosos da década de 2000

2001/2002

Zinedine Zidane

Juventus >>> Real Madrid

€77.5 Milhões

Jogadores mais valiosos da década de 2000 Zidane

Após deixar Turim para rumar para a capital espanhola, Zidane foi peça chave do Real Madrid que conquistou títulos como a Champions League da temporada 2001/2002, fazendo aquele golaço inesquecível na final contra o Bayer Leverkusen.

Zidane Goal vs Bayer Leverkusen Champions League on Make a GIF

Além da glória europeia, Zizou também arrematou La Liga, Supercopa da Espanha e da UEFA além do intercontinental de clubes, ainda com a camisa merengue foi eleito o melhor jogador do mundo pela FIFA em 2003.

2002/2003

Rio Ferdinand

Leeds United >>> Manchester United

€46 Milhões

Jogadores mais valiosos da década de 2000

Para se ter uma ideia de quanto esse valor foi absurdo, até hoje Ferdinand está entre os 10 zagueiros mais caros da história. E por falar em história, a que ele fez em Old Tradford confirmou que foi um investimento estupendo.

O defensor levantou nada menos do que seis troféus de Premier League com o United, além de ter conquistado a maior glória possível para um clube, a UEFA Champions League da temporada 2007/2008.

Jogadores mais valiosos da década de 2000

Ainda pode colocar na conta do atleta duas Copas da Liga, três Supercopas da Inglaterra e um Mundial de clubes da FIFA. O zagueiro ainda fez parte da seleção do ano da Premier League por cinco vezes com a camisa dos red devils e entrou para os 11 melhores da FIFA da temporada 07/08.

2003/2004

David Beckham

Manchester United >>> Real Madrid

€37.5 Milhões

Jogadores mais valiosos da década de 2000 Beckham

O inglês pode até ter trazido muito marketing para o clube merengue com a sua imagem e com a venda de camisas, mas dentro de campo o meia não entregou muito.

Em 4 anos no Real Madrid, Beckham conquistou uma La Liga e uma Supercopa da Espanha.

Jogadores mais valiosos da década de 2000
Beckham entregou pouco dentro de campo no Real.

2004/2005

Didier Drogba

O. Marseille >>> Chelsea

€38.5 Milhões

O atacante está entre os 5 maiores artilheiros do Chelsea com 164 gols. Precisa falar mais alguma coisa? Sim, ele ainda foi além, pois com a camisa dos Blues, o marfinense levantou uma UEFA Champions League, batendo o penalty decisivo, quatro Premier Leagues, quatro Copas da Inglaterra, três Copas da Liga e duas Supercopas da Inglaterra.

Didier Drogba

Individualmente, o atleta ganhou honrarias como a de jogador africano do ano em 2006 e 2009, além de ser artilheiro da Premier League na temporada 06/07 e na 09/10.

Lembrando que em sua segunda passagem pelo azul de Londres, entre 2014 e 2015, o africano chegou a custo zero.

2005/2006

Michael Essien

O. Lyon >>> Chelsea

€38 Milhões

Meia de força e velocidade, tanto na marcação quanto para a chegada no ataque, Essien foi campeão da Champions League com o Chelsea, além de abocanhar duas Premier Leagues, quatro Copas da Inglaterra, uma Copa da Liga e uma Supercopa da Inglaterra.

Com a camisa dos Blues, o ganês foi eleito o jogador africano do ano de 2006 pela BBC.

2006/2007

Andriy Shevchenko

Milan >>> Chelsea

€46.88 Milhões

A contratação da lenda ucraniana pelo Chelsea em 2007 causou um verdadeiro estardalhaço na Premier League pela expectativa que aquela super estrela do futebol poderia fazer e, é claro, pelos valores envolvidos.

Na realidade, Shevchenko não foi nem sombra do jogador que era nos tempos de Milan, com a camisa dos Blues, e isso se deu por vários fatores: lesões, concorrência ferrenha pela titularidade com nomes como Drogba e Anelka, muitos altos e baixos em matéria de performance (mais baixos do que altos), além de não se adaptar ao estilo de jogo inglês e problemas de relacionamento dentro do clube.

Sheva “flopou” no Chelsea.

Seu saldo em Londres foi 22 gols em 77 jogos e um título de Copa da Liga Inglesa. No total, Sheva ficou duas temporadas no clube.

2007/2008

Fernando Torres

Atlético de Madrid >>> Liverpool

€38 Milhões

O espanhol realmente é um caso curioso, pois em matéria de títulos pode se dizer, com razão, que ele não devolveu o investimento, pois não levantou nenhum troféu na sua passagem pelo clube, mas em termos individuais a coisa foi diferente.

Logo na primeira temporada no Liverpool, El niño fez história ao marcar 24 gols na Premier League, batendo o recorde de Van Nistelrooy. Além disso, ele integrou a seleção do ano da Premier League das temporadas 07/08 e 08/09 e com a camisa dos Reds, Torres ficou entre os três melhores do mundo no prêmio da FIFA em 2008.

Torres brilhou no Liverpool, mas os títulos não vieram.

Ao todo, o atacante marcou 81 gols em 142 jogos no time de Merseyside, o qual defendeu por quatro temporadas.

2008/2009

Robinho

Real Madrid >>> Manchester City

€43 Milhões

Robinho

Esse investimento foi péssimo para o City, pois Robinho não correspondeu ao que se esperava de um jogador que havia sido contratado junto ao Real Madrid com todo os holofotes que haviam sobre ele.

Na seu primeiro ano pode até se dizer que ele foi bem, marcando um belo gol na estreia e terminando a temporada como artilheiro do clube com 14 gols.

Robinho
Robinho e City não foram uma boa combinação.

Na segunda temporada não houve continuidade com o jogador, sendo reserva várias vezes e ficando insatisfeito no clube, fazendo com que o City o emprestasse ao Santos, e após seu retorno, sem espaço, foi vendido ao Milan.

2009/2010

Cristiano Ronaldo

Manchester United >>> Real Madrid

€94 Milhões

Cristiano Ronaldo

Acho que esse dispensa comentários, pois o português fez coisas de outro mundo no Real Madrid. Achamos que só listar os títulos de CR7 com a camisa dos merengues já basta.

4x UEFA Champions League

2x La Liga

2x Copa do Rey

3x Mundial de Clubes da FIFA

2x Supercopa da UEFA

2x Supercopa da Espanha

4x Melhor jogador do mundo pela FIFA.

Maior artilheiro da história do Real Madrid, com uma média absurda de 450 gols em 438 jogos, mais de um gol por jogo.

Cristiano Ronaldo

Gostou do material?  Compartilhe com seus amigos.

Equipe FCA

Instagram: @FutebolComAmorbr

Twitter: @FutebolComAmor

Facebook: FutebolComAmor

Canal no Youtube: FutebolcomAmorSite

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *