Treinadores BR sem muitos troféus de peso

Treinadores BR sem muitos troféus de peso – O futebol bem jogado com toques rápidos e jogadas bem trabalhadas sempre salta aos olhos e mora no imaginário coletivo de muitos fãs de futebol.

Porém, desempenho sem resultado é uma conta que não fecha, por isso, vamos lembrar treinadores que levantaram no máximo um troféu de expressão, ou seja, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro, Sul-Americana, Libertadores ou Mundial.

Treinadores BR sem muitos troféus de peso.

Vagner Mancini

Treinadores BR sem muitos troféus de peso - foto de Vagner Mancini

O ex-volante, que como jogador chegou a atuar em clubes como o Grêmio, não conquista um título de expressão desde 2005, quando conseguiu uma verdadeira façanha ao levar a equipe do Paulista de Jundiaí ao título da Copa do Brasil daquele ano, deixando pelo caminho Internacional, Botafogo, Cruzeiro e Fluminense.

Foto do Paulista de Jundiaí, campeão da Copa do Brasil de 2005.
Paulista de Jundiaí, campeão da Copa do Brasil de 2005.

Treinadores BR sem muitos troféus de peso.

Hélio dos Anjos

Treinadores BR sem muitos troféus de peso - Foto de hélio dos Anjos

Profissional respeitado no meio do futebol, Hélio dos Anjos é uma verdadeira divindade no Goiás, clube pelo qual já treinou tantas vezes, que a impressão que se tem é que nunca saiu de lá. Só que apesar de ser técnico desde 1985 e ter treinado times como Grêmio e Vasco da Gama, o mineiro nunca conseguiu levantar um troféu de expressão em sua carreira.

Treinadores BR sem muitos troféus de peso.

Enderson Moreira

Treinadores BR sem muitos troféus de peso - Foto de Enderson Moreira.

Com mais de 10 anos de carreira, Enderson Moreira já treinou times do calibre de Fluminense, Grêmio, Santos e Atlético Paranaense, porém nunca foi campeão de nada além de campeonatos estaduais e títulos de brasileiro de segunda divisão.

Treinadores BR sem muitos troféus de peso.

Doriva

Treinadores BR sem muitos troféus de peso - Foto de Doriva

Se Doriva pudesse ter 50%  do sucesso como jogador em sua carreira de treinador já estaria muito bom, porém o melhor ainda parece estar por vir. O ex-volante, que começou sua carreira em 2013, já teve em suas mãos equipes como Atlético Paranaense, Vasco da Gama e São Paulo e nunca levantou um troféu de expressão.

Treinadores BR sem muitos troféus de peso.

Dorival Júnior

Foto de Dorival Júnior

Dorival Júnior é aquele técnico “figurinha carimbada”, ou seja, sempre que algum clube demite um treinador ele logo figura entre os nomes cotados para assumir o lugar vago.

O paulista é um dos professores com mais longevidade no país. DJ ingressou na carreira de treinador em 2002 e já treinou times como Cruzeiro,Vasco da Gama, Santos, Atlético Mineiro, Internacional, Flamengo, Fluminense, Palmeiras e São Paulo (Ufa!). Pode-se dizer que ter apenas a Copa da Brasil de 2010 com o Peixe é pouco.

Robinho levantando a Copa do Brasil de 2010 com o jovem Neymar mais abaixo
Robinho levantando a Copa do Brasil de 2010 com o jovem Neymar mais abaixo. Único título de expressão de Dorival

Treinadores BR sem muitos troféus de peso.

Antonio Carlos Zago

Foto de Zago

Zago foi um dos melhores zagueiros da sua geração, porém quando o assunto é a carreira de treinador o sucesso nos campos não o acompanhou.

Técnico desde 2010, o ex-zagueiro nunca conquistou nada mais do que um título de série B do Brasileiro com o Red Bull Bragantino, em 2019. Nem mesmo quando teve em comando de times de tradição como Palmeiras e Internacional, ACZ conseguiu um troféu de expressão.

CONFIRA A PARTE 2 CLICANDO ABAIXO.

Gostou do material?  Compartilhe com seus amigos.

Equipe FCA

Instagram: @FutebolComAmorbr

Twitter: @FutebolComAmor

Facebook: FutebolComAmor

Canal no Youtube: FutebolcomAmorSite

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *